Faixa Atual

Título

Artista


Vendas de celulose, carnes e fumo crescem e amenizam recuo nas exportações do agronegócio em 2019

Escrito por em fevereiro 7, 2020

Exportações de carne cresceram 35,1%

As exportações do agronegócio gaúcho somaram US$ 11,8 bilhões de dólares em 2019, uma queda de 3,1% quando comparado com o ano anterior. Dos cinco principais setores exportadores do segmento no Rio Grande do Sul, quatro apresentaram altas significativas, entre eles o de produtos florestais (aumento de 46,4%), carnes (35,1%) e fumo (13,9%).

O destaque negativo ficou por conta do complexo soja, principal item da pauta de vendas externas do Estado, que registrou queda de US$ 1,5 bilhão, uma redução de 23,3% em relação a 2018.

Os dados fazem parte do estudo Indicadores do Agronegócio do RS: exportações e emprego formal em 2019, divulgado na quinta-feira (06) pela Secretaria de Planejamento, Orçamento e Gestão.

O documento indica uma redução, em números absolutos, de US$ 384 milhões nos valores exportados pelo Estado, em grande parte consequência da baixa nas compras da China em 9%.

Entre as proteínas animais, as exportações de carne de frango (+46,3%) e suína (+51,9%) lideraram o crescimento no valor comercializado, puxado pela China.

No setor de produtos florestais, o destaque ficou por conta do comércio de celulose, com alta geral de 60,1% em valor.

Considerando os destinos das exportações, a China segue dominante na lista dos países compradores. O gigante asiático foi o principal parceiro do Rio Grande do Sul, responsável por 45,4% do valor total comercializado.

Fonte: Grupo Solaris com informações da Assessoria de Imprensa do Governo do RS.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Continue lendo