Faixa Atual

Título

Artista


Veja quem são os vencedores do Concurso Anual Literário de Caxias do Sul

Escrito por em junho 10, 2022

Matusalem Roberto Ferreira, recebe o prêmio Vivita Cartier com a obra “Morena uma história de amor e guerra”

O Concurso Anual Literário de Caxias do Sul chega em sua 56ª edição e os vencedores foram escolhidos na manhã desta sexta-feira (10). O prêmio Vivita Cartier ficou com Matusalem Roberto Ferreira, com a obra “Morena uma história de amor e guerra”(2021 – 264 páginas). Ele receberá o troféu no dia 15 de junho e o valor de R$9.607,20.

Coube a banca avaliadora formada pelas escritoras Marô Barbieri, Maya Falks que foi a vencedora do prêmio Vivita Cartier em 2021, e pelo professor universitário e escritor Douglas Ceccagno, a missão de mergulhar nos textos escritos para escolher os vencedores. O Concurso possui duas categorias: textos inéditos – contos, crônicas e poesias e obra literária – Prêmio Vivita Cartier.

A categoria textos inéditos visa a descoberta de novos talentos, bem como incentivar a formação de valores literários entre pessoas residentes no Município, e destina-se a produções das categorias contos, crônicas e poesias. Enquanto, o prêmio Vivita Cartier objetiva reconhecer o trabalho literário de autores da região já publicados, abrangendo textos ficcionais dos gêneros poesia, teatro, conto, crônica, novela e romance.

Os textos vencedores na categoria de textos inéditos dão origem a uma antologia, a ser lançada nas comemorações dos 75 anos da Biblioteca Pública, dentro da 38ª Feira do Livro. Na qual são 60 exemplares para os primeiros lugares, 40 para os segundos e 20 para os terceiros.

A edição deste ano contou com 55 inscritos. Sendo 14 obras para o prêmio Vivita Cartier e 41 textos inéditos.

Confira os demais escritores premiados:

Contos

1º lugar – Alex Cardoso Vieira, com “O de sempre?”, “Caravanas”, e “Paralelas”

2º lugar – Tatiana Barduco Rodrigues com “Caminho para o Sol”, “Vida milenar”, e “REverso”

3º lugar – Elisabete de Lima Scholz com “O Penhasco”, O Pigmeu”, e “A viagem”

Crônicas

1º lugar – 1º lugar Juliana Bevilaqua com “Ninguém quer ser a Miriam”, “Zé de Caxias do Sul”, e “Criança em banco”

*não houve premiação para o segundo e terceiro lugar na categoria crônica.

Poesias

1º lugar – Leovegildode Jesus Ferreira Brum com “O Marajá de Marajó”, “O gênio da felicidade”, e “Botequim”

2º lugar – Oladis Gorete Stefanon com “A garota e o tempo”, “Melancolia”, e “Perdas”

3º lugar – Lara Klinger com “Ponta do lapso”, “Paradoxo da alteridade”, e “Co(r)po meio vazio”


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *