Faixa Atual

Título

Artista


Vale é condenada a pagar R$ 11 milhões por quatro mortes em Brumadinho

Escrito por em setembro 20, 2019

Barragem se rompeu em 25 de janeiro.

A mineradora Vale foi condenada a indenizar em R$11,875 milhões aos parentes de uma família que morreu na tragédia de Brumadinho (MG). 

A barragem da Mina do Feijão se rompeu em 25 de janeiro. Luiz Taliberti, a sua irmã Camila Taliberti e a esposa dele Fernanda Damian, grávida de cinco meses, estavam na Pousada Nova Estância, que foi soterrada pela lama de rejeitos.

Segundo informou o Tribunal de Justiça de Minas Gerais na quinta-feira (19), trata-se da primeira sentença em ação individual movida em decorrência da tragédia.

A Vale informou em nota que ainda não foi intimada da decisão.

De acordo com dados divulgados pelo Ministério Público do Trabalho, mais de 90% dos 248 mortos trabalhavam no complexo minerário, 120 eram empregados da Vale e 109 de empresas terceirizadas contratadas pela mineradora. Dos 22 desaparecidos, 11 são funcionários da Vale e 10, terceirizados.

Fonte: Agência Brasil – Léo Rodrigues.


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *