Faixa Atual

Título

Artista


SMH e FAS disponibilizam recursos emergenciais a famílias atingidas por incêndio no bairro Belo Horizonte em Caxias

Escrito por em dezembro 16, 2019

Núcleos familiares receberão auxílio até que sejam contemplados com residência definitiva fora da área de risco

Em razão do incêndio ocorrido no último dia 28 de novembro no bairro Belo Horizonte, a Prefeitura de Caxias do Sul, por meio da Secretaria Municipal da Habitação (SMH) e da Fundação de Assistência Social (FAS), se mobilizou para prestar auxílio emergencial às famílias atingidas. Na área afetada, 12 casas foram destruídas pelo fogo. Elas abrigavam cerca de 20 pessoas.


Para apresentar as propostas do Município aos moradores, SMH e FAS realizaram uma reunião com dois representantes das famílias na última terça-feira (10/12). O encontro definiu que todas receberão auxílio do Município para que possam se estabelecer em uma área com mais segurança.


Na época, os moradores do local se assentaram irregularmente em uma área de risco. Por esse motivo, a prefeitura não pode reconstruir as casas na mesma área ou permitir que os próprios moradores retornem ao local. Sendo assim, os núcleos familiares serão atendidos ou com auxílio moradia (da SMH) ou com o Programa de Renda Temporária e Emergencial (PRTE – da FAS), para que tenham condições de pagar aluguel até que novas casas definitivas sejam construídas. Por enquanto, eles estão morando em casas de parentes ou amigos.


“Aquela é uma área que oferece risco geológico e o Município tem a responsabilidade de assentar as famílias em um local seguro. Não podemos devolvê-las a uma situação de risco. Já ocorrem estudos referentes a uma nova área de relocação, priorizando a segurança habitacional”, ressalta o titular da SMH, Claudir Bittencourt. O secretário destaca, ainda, o cuidado especial da SMH com a localização para onde as famílias serão removidas, visando, se possível, mantê-las na própria região onde residiam.


Na reunião de terça-feira estiveram presentes o titular da SMH, Claudir Bittencourt; a diretora de Proteção Social Básica da FAS, Ana Luiza De Bona Castellan Esquiam Viganó; além de representantes da Divisão Técnica e do Serviço Social da SMH, da Defesa Civil e moradores da área do sinistro.

Fotos: Vitória Ricardo (fotos da área de risco no Belo Horizonte)


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *