Faixa Atual

Título

Artista


Serra Gaúcha é classificada preliminarmente em bandeira vermelha

Escrito por em janeiro 4, 2021

Mapa da 35ª rodada foi divulgado na sexta-feira (01)

Divulgado na sexta-feira (01), o primeiro mapa do modelo de Distanciamento Controlado do ano de 2021 classificou a região da Serra Gaúcha, de maneira preliminar, em bandeira vermelha. O relatório enviado pela região na última quinta-feira (31) apontava uma redução de 44% no número de hospitalizações por Covid-19 nos últimos sete dias, passando de 157 para 88.

Ainda de acordo com o relatório, o número de pacientes internados em leitos clínicos para Covid-19 também reduziu, de 205 para 152, de 25 a 31 de dezembro de 2020, queda de 26%. As internações por coronavírus em leitos de UTI reduziram 2%, de 136 para 133 pacientes.

No período analisado, a Serra Gaúcha teve cerca de sete hospitalizações para cada 100 mil habitantes, além do registro de 63 óbitos em sete dias, aumento de 19% em relação à semana anterior, onde haviam sido confirmados 53 mortes.

O relatório destaca ainda que a região tem 3.481 casos ativos e 13.569 pacientes já recuperados.

Pela sexta semana consecutiva, a região foi preliminarmente classificada em vermelho. Conforme informações da Associação dos Municípios da Encosta Superior do Nordeste (Amesne), durante o final de semana não foi apresentado pedido de reconsideração. A associação defende mudanças nos critérios de definição das cores para bandeiras.

Os municípios, de maneira individual, podem adotar critérios do modelo de cogestão, onde adotam medidas menos restritivas que a bandeira vermelha, a chamada bandeira intermediária, entre laranja (risco médio) e vermelha (risco alto).

Dados de óbitos

Nos últimos dias, a maioria das prefeituras municipais da região serrana não tem atualizado diariamente seus boletins informativos da Covid-19, seja pelo feriado de ano novo ou até mesmo pelas mudanças nas administrações, após a posse dos novos prefeitos e a reorganização do setor público.

Os dados do final de semana, atualizados por apenas sete cidades da Serra Gaúcha (Bento Gonçalves, Cambará do Sul, Cotiporã, Nova Pádua, Nova Roma do Sul, São Francisco de Paula e São Marcos), apontam ao menos 905 óbitos confirmados na região.

Mapa preliminar coloca a região de Bagé, preliminarmente em bandeira preta.

Fonte: Grupo Solaris – Repórter Luiz Augusto Filipini


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *