Faixa Atual

Título

Artista


Rádio Solaris realiza entrevista com os candidatos à Prefeito e Vice de Antônio Prado Rodrigo Cordeiro e Richele Pasa (MDB)

Escrito por em novembro 9, 2020

Candidatos responderam a questionamentos de entidades

Na manhã desta segunda-feira (9), a Rádio Solaris ouviu também os candidatos a Prefeito e Vice do partido Movimento Democrático Brasileiro (MDB), Rodrigo Cordeiro e Richele Pasa, que responderam a questionamentos encaminhados por entidades representativas da comunidade pradense.

A primeira questão foi encaminhada pela Associação dos Motoristas, sobre as condições de acesso da Avenida dos Trabalhadores junto à RS 122. Conforme Rodrigo, o assunto já foi tratado em reuniões com o Daer e EGR, porém o trevo foi mal projetado e não há engenheiro que se responsabilize pela obra. É preciso então, de acordo com o candidato, buscar por alternativas, como redutores de velocidade, uma rotatória, entre outras obras, que serão pautadas junto à Secretaria de Transportes do Estado.

Em questionamento, a Associação Pradense dos Universitários (APU), perguntou sobre o custeio dos deslocamentos. De acordo com o candidato, é preciso trabalhar com subsídios junto ao Governo do Estado, mas também fortalecer a ação conjunta entre as entidades, opinando sobre os projetos.

O Condica questionou sobre ações e projetos para os jovens. Conforme Rodrigo, é preciso fortalecer o conselho tutelar, os atendimentos psicopedagógicos, trabalhar o contra turno nas escolas, além da implantação de uma instituição cívico-militar e promover o esporte.

O Consepro quis ouvir o candidato sobre abigeato, roubos, furtos e o problemas das drogas no município, além do baixo efetivo policial. Conforme Rodrigo, o Consepro atualmente está apto e irá receber recursos da administração municipal. “Faremos os repasses para a vinda de novos policiais, inclusive com o auxílio moradia”.

Em relação ao videomonitoramento, são 12 câmeras atualmente funcionando no município, sendo necessária a contratação de mais quatro ou cinco policiais. O candidato destaca ainda a importância do trabalho de prevenção, através da educação, saneamento básico e loteamentos populares.

Em resposta ao Conselho Municipal de Educação, Rodrigo Cordeiro fala em diálogo com os professores, valorizando as famílias, a escola e a sociedade, promovendo cursos técnicos e aperfeiçoamento de professores. “A família tem que fazer parte da educação”, enfatiza Rodrigo.

Na área dos cursos e aperfeiçoamento, o candidato destaca a parceria a ser realizada com a FAP – Faculdade de Antônio Prado. Nas escolas, também haverá projetos de climatização das salas de aula e fortalecimento dos meios digitais.

Sobre os critérios para valorização dos servidores públicos, pergunta encaminhada pelo Sismap, Rodrigo diz que é preciso conversar com os funcionários para que eles se sintam valorizados, além da promoção de cursos profissionalizantes.

O Conselho de Saúde reforça a questão dos postos na linha 21 de abril e Santana, além da contratação de profissionais. Rodrigo diz que a cidade já perdeu grandes profissionais por questões salariais. “É preciso trabalhar a farmácia básica no interior e contratar um farmacêutico para atuar 40h”, segundo o candidato.

A CIC perguntou sobre atração comercial no município. “Temos ramos de atuação em várias áreas”, diz Rodrigo, que quer valorizar o que já temos em nosso município, fortalecendo o turismo, criando uma agenda programada que contemple novos eventos.

A CDL pediu para que o candidato falasse sobre a importância da Noite Italiana. O candidato diz que “ela divulga nosso município”, enfatizando os investimentos realizados no Centro Municipal de Eventos, um espaço que está sendo utilizado pelas famílias.

Ao final, o Sindicato dos Trabalhadores e Agricultores Familiares de Antônio Prado perguntou sobre as prioridades na pavimentação asfáltica. Rodrigo reforça que, através da Lei de Diretrizes Orçamentárias, foram aprovados R$ 5 milhões em infraestrutura, com recursos garantidos. Em quatro anos, foram realizados 80 quilômetros de melhorias nas estradas até as capelas. “Daremos segmento ao asfaltamento”, diz Cordeiro, valorizando a presença do jovem no campo e melhorando o escoamento da produção.

Confira a entrevista

Fonte: Grupo Solaris – Luiz Augusto Filipini


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *