Faixa Atual

Título

Artista


Rádio Solaris completa 33 anos

Escrito por em maio 25, 2021

Solaris vem do latim e significa luz, iluminação e irradiação solar

Era um domingo, dia de Nossa Senhora do Caravaggio, 26 de maio de 1988, 20h, quando foram ouvidas as primeiras ondas da Rádio Solaris Amplitude Modulada, frequência 1110, em caráter experimental. O locutor Vilnei Fioravante, com uma voz grave anunciou “Rádio Solaris 1110 ZYK 367, 1.000 KHZ, 1 KW de Potência, a Rádio da Comunidade operando em caráter experimental”.

Mas, para que isso acontecesse temos que voltar a nove anos atrás, em 1979. Nesse ano o primeiro pradense a vislumbrar a instalação de uma emissora de rádio em Antônio Prado foi Saturnino Anghinoni. Em 22 de dezembro de 1979 foi aberto um processo para inclusão no Plano Básico de Comunicação para a implantação de uma emissora de rádio no município. Seria uma emissora de ondas médias, com 1 kw de potência, operando em horário limitado, das 06h às 24h. Aprovado, o pedido foi publicado no Diário Oficial da União em 19 de junho de 1980.

Num processo lento, somente seis anos depois, em 17 de janeiro de 1986, o então ministro das comunicações, Antônio Carlos de Magalhães autorizou a abertura de Edital de Concessão. O Ministério das Comunicações estipulou um prazo de 45 dias para que fossem enviadas as propostas para a exploração de rádio difusão. 

A partir daí duas sociedades disputavam a permissão de operar a emissora. A primeira chamada de Rádio Centenário de Antônio Prado LTDA, formada por Saturnino Franscisco Anghinoni. A segunda Rádio Solaris LTDA, formada por Laureano Antônio Fortuna.

Um ano e meio depois do encaminhamento dos documentos, no diário oficial da união do dia 28 de julho de 1987 foi outorgada a concessão a Rádio Solaris LTDA. Com a autorização para instalação da emissora, Fortuna buscou parceria para o investimento.

Laureano encontrou quatro parceiros que abraçaram a causa. Nasceu então a Rádio Solaris, através de seus fundadores: Itacir Grezzana, Valdomiro Bocchese da Cunha, Luiz Zamboni Neto e Clóvis Pedro Zulian.

Em setembro de 1987 foi assinado o contrato de exploração do serviço. Em 26 de novembro foi definido o local de instalação e a utilização dos equipamentos foi aprovada.

A partir daí foi uma corrida contra o tempo, contratação de técnicos para instalação da antena e transmissores, montagem do equipamento, administrador para montar a grade de produção.

Tudo deu certo e a Rádio Solaris iniciou os trabalhos com o locutor/gerente Vilnei Fioravante, operador de gravação Arligio Soares e mais três operadores de áudio Ronei Marcilio, Valério Marcon e Luiz Carlos Tochetto, o Sukão.

Por ser devoto de Nossa Senhora do Caravaggio, Fortuna escolheu o dia da santa para a emissora ir ao ar, 26 de maio. Depois do pronunciamento de Vilnei Fioravante, a primeira música a ser executada foi Mérica Mérica, hino oficial da colonização italiana no Rio Grande do Sul.

O primeiro gerente da emissora foi Vilnei Fioravante, que foi convocando pessoas da própria comunidade para fazer testes de locutor.

O radialista Ronei Marcilio foi um dos primeiros contratados da emissora, chegou faltando 15 dias para inauguração e num primeiro momento auxiliou na reforma da sala onde hoje funciona a rádio. Logo em seguida foi convocado para ser operador de áudio e iniciando também seu primeiro programa.

O principal objetivo, desde o início das atividades foi manter a população informada com assuntos do município e da região.

A primeira equipe esportiva contava com a locução do bentogançalvense Pedro Vitor Rizzo e de Sinval Paim, de Caxias do Sul. O primeiro jogo transmitido pela rádio foi em 1988 entre Pradense e Ipiranga de Erechim. O primeiro gol narrado foi do atacante do Pradense, Samuel Rodrigues. O jogo acabou empatado.

Primeira grade de programas da Rádio Solaris

– Pampa Campo e Querência, apresentado por Paulo Andreghetti, era veiculado de segunda à sexta-feira das 6h às 7h e aos sábados e domingos das 6h às 8h. O Programa era mesclado com músicas gaúchas e informações.

– Café Sertanejo, apresentado de segunda-feira à sexta-feira das 7h às 8h por Cláudio Cesar, somente com músicas sertanejas.

– Comando Geral, programa de variedades com informações, entretenimento, serviços e músicas das 8h às 12h apresentado inicialmente por Vilnei Fioravante. Posteriormente o programa foi apresentado por Sinval Paim e logo após por Ronei Marcílio.

– Rádio Jornal Informe apresentado das 12h às 13h resumo das notícias da manhã, previsão do tempo, esporte e informativo hospitalar.

– Chão Sulino programa de músicas gaúchas e sertanejas apresentado das 13 às 15h, este permaneceu até o início de abril deste ano.  O programa inicialmente foi apresentado por Amarildo Martelo e em seguida por Luiz Alberto Perotoni que agora comanda o Super Tarde.

– Tarde Maior, das 15 às 17h, apresentado por Dulce Santa’nna Pellin. Programa de variedades com a participação do público, com música popular brasileira, entrevistas e comentários de notícias.

– Música e Esporte das 17h às 18h apresentado por Ronei Marcílio.

– Programa Antena 1110, apresentado das 20h às 24h por Hermes Fochezatto, com músicas voltadas ao público jovem.

– Pelos caminhos do Pampa, aos domingos das 8h às 12h apresentado por João Duarte, com músicas gaúchas e apresentações ao vivo de músicos da cidade.

– As mais Pedidas, aos domingos das 12h às 14h apresentado por Amarildo Martelo.

A emissora foi vista como um marco para o desenvolvimento social, econômico e político do município.

Em 1994, Laureano Antônio Fortuna adquiriu as cotas dos outros sócios ficando como sócio majoritário. Nessa época Maria Tereza Zanella Fortuna, que havia assumido recentemente a gerência começou a reestruturação da emissora.

Houve mudança de programação, reforma da estrutura física e melhoras na parte técnica. A partir da reformulação a rádio passou a funcionar das 06h às 22h.

Em 1995 a rádio foi à primeira do estado a participar da Rede Gaúcha Sat do grupo RBS.

Em 2000 Fortuna, sabendo da existência de um canal FM para Antônio Prado entrou com uma proposta técnica para explorar o serviço.

Em 2007 a emissora aumentou a potência, passando de 1kw para 2kw de potência, passando a oferecer um sinal melhor para as cidades vizinhas de Nova Roma do Sul, Ipê e Campestre da Serra. Nesse mesmo ano foi criada também a primeira página de internet.

Em 07 de março de 2012 entrou no ar a Solaris FM 97,3. Em um primeiro momento a nova emissora transmitia a programação da AM. Com o tempo a 97,3 passou a ganhar, em alguns horários, uma programação paralela.

Migração para FM

A migração do AM para o FM no Brasil surgiu em 2009, com a necessidade dos rádio difusores preservarem as emissoras que estavam em AM, e que sentiram a necessidade de aprimorar seus serviços pleiteando a faixa FM. Em linhas gerais, a Faixa FM (Frequência Modulada) possui melhor qualidade de som e tem menos chiado e interferências. O Grupo Solaris de Comunicação então optou por migrar com a 1110 para uma frequência modulada.

Em abril de 2018 a Rádio Solaris AM 1110 saiu do ar definitivamente para serem feitas adaptações necessárias para outra emissora. Em 15 de outubro de 2012 entrou no ar a Solaris FM Flores da Cunha, na frequência 99,1.

E para consolidar o Grupo Solaris de Comunicação, em outubro de 2018 entrou no ar a Solaris Play FM, na frequência 101,7.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *