Faixa Atual

Título

Artista


PREFEITURA DE IPÊ LANÇA NOTA OFICIAL DE ESCLARECIMENTO

Escrito por em junho 23, 2020

A declaração de óbito apresentada trata-se de um óbito domiciliar

Com relação ao vídeo divulgado nas redes sociais citando o atestado de óbito de um morador do município de Ipê, primeiramente a Secretaria Municipal de Saúde e Assistência Social de Ipê (SMSAS) se solidariza a família enlutada e ao mesmo tempo repudia a ação que, em um momento de dor, expôs a pessoa e a família. Em segundo lugar, a SMSAS informa que desconhece o autor do vídeo e suas intenções.

A declaração de óbito apresentada trata-se de um óbito domiciliar que ocorreu no município de Ipê no dia 16 de junho sendo este atestado por profissional médico lotado na Secretaria Municipal de Saúde. Por se tratar de um óbito domiciliar onde o mesmo ocorreu sem assistência médica e/ou familiar não foi possível a precisão da causa mortis. Desta forma, seguiu-se o protocolo estabelecido pela Resolução Conjunta do CREMERS nº01/2020 (art.3)

/Ministério da Saúde/Organização Mundial de Saúde, adotado por esta Secretaria Municipal da Saúde:

“§ 2 Óbitos suspeitos de COVID-19: como causa básica “Morte a Esclarecer – aguarda exames”. Devendo, obrigatoriamente, coletar (até 24 horas após o óbito) material biológico – Swab Nasal de ambas as narinas e Orofaringe – para exame de SARS-CoV2, a ser encaminhado para o laboratório designado pela autoridade sanitária.

§ 3 Recomenda-se que o médico descreva claramente a sequência de diagnósticos no Bloco V da Declaração de Óbito.

§ 4º Recomenda-se que o médico registre – na Parte lI do Bloco V da declaração de óbito

– as outras condições clínicas significativas que contribuíram para a morte e que não entraram na sequência que determinou a morte. ”

Quanto à declaração que hospitais e instituições de saúde receberiam repasses de recursos por óbito confirmado de COVID-19, desconhecemos tal informação, pois não há qualquer portaria ou decreto do Ministério da Saúde que confirme esta citação.

Portanto, a Prefeitura Municipal de Ipê através da SMSAS repudia toda e qualquer forma de fake news e desmoralização profissional. Alertamos à população que antes de acreditar, compartilhar ou disseminar qualquer tipo de informação, verifiquem a veracidade da mesma.

Fontes:

Documento orientativo COVID-19 do Ministério da Saúde: Orientações para o preenchimento da Declaração de Óbito no contexto da COVID-19 de 04 de maio de 2020.

A Resolução Conjunta, CREMERS, SES/RS, COSEMS/RS e SMS/POA nº 01/2020 que regulamenta as orientações para o preenchimento da Declaração de Óbito frente à Pandemia do COVID-19.

SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE E ASSISTÊNCIA SOCIAL DE IPÊ

Vigilância em Saúde


Opnião dos Leitores
  1. Moacir   Em   junho 23, 2020 em 10:45 am

    Legal, mas e onde está a fake news? O homem não morreu de infarto? Independente se foi A ou B que mandou por suspeita de COVID-19 como causa de uma morte por infarto, continua sendo uma palhaçada. E o hospital se prestar a isto e ainda expedir uma nota dizendo que se importa com a família enlutada é uma tremenda hipocrisia. Se não ganha nada, pra por isto no atestado já é um absurdo e se ganha então, aí é o cúmulo do absurdo. https://www.facebook.com/capelao.mmatinsc/videos/286379712412490/?extid=uAffq29H4MEIOHtr&d=null&vh=i

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *