Faixa Atual

Título

Artista


Pratenses participam de evento de tiro esportivo em Uberlândia

Escrito por em dezembro 8, 2020

Representaram Nova Prata: Eduardo Araújo Mosamman Filho, Daniel Taiarol,  Luiz Carlos de Toffol e Lucas Holderle.

A pandemia do coronavírus interferiu em várias modalidades esportivas e na do tiro não foi diferente. Apesar disso, o ano de 2020 foi especial para Eduardo Araújo Mosamman Filho, o Dulita. Ele explica que diversos campeonatos foram cancelados e outros definidos em prova única, como o da Confederação Brasileira e Grande Prix Luis  Viganó de Tiro Esportivo modalidade “TRAP americano” , que aconteceu em Caxias do Sul, de 11 a 18 de novembro.

– Nesta prova que reuniu 250 atletas, única e classificatória no ranking brasileiro, me tornei o campeão brasileiro em duas categorias com 99 acertos no TRAP 100 e 197 no TRAP 200. Também recebi o prêmio de atleta destaque do Gran Prix Luis Viganó TRAP 200, com o escore de 197 em 200 possíveis – relata Eduardo.

Além de ser campeão individual, Eduardo também foi campeão nacional por equipes representando o Estado,  juntamente com Fabrício Alberton (Frederico Westphalen), Carlos Augusto Costabeber (Santa Maria) e Tarso Barison (Vacaria).

De 01 a 05 de dezembro, o município de Uberlândia (MG) sediou o encontro de atiradores promovido pela Liga Nacional de Tiro ao Prato. Dulita explica que diferentemente de outros eventos similares, neste houve disputadas diárias. Abaixo as conquistas dos pratenses em terras mineiras.

01/12 – Taça Eurotarget de Trap 50: campeão com 50/50.

02/12 – Brasileirão Pavei armas de Trap 100: vice-campeão empatado com o primeiro com 99/100.

03/12 –  Circuito Shooting Hause de Trap 50:  6° lugar com 49/50.

04/12 – Copa do Brasil Castellani de Tiro ao Prato Trap 200: campeão com 199/200.

05/12 – Grande PRIX Berreta de Trap 100: 3° lugar com 99/100.

Campeão geral do evento  no super 400. Com 397/400.

Resultados de Daniel Taiarol

02/12 –  Brasileirão Pavei armas de TRAP 100: 2° lugar categoria paratleta com 85/100.

03/12  – Circuito Shooting Hause de TRAP 50:  6° lugar com 48/50.

04/12 – Copa Do Brasil Castellani De Tiro Ao Prato TRAP 200: 2° lugar paratleta com 183/200.

05/12: Grande PRIX Berreta de TRAP 100: 2° lugar paratleta com 86/100.

Resultados de Luiz Carlos de Toffol

02/12 –  Brasileirão Pavei Armas de TRAP 100: 20° lugar categoria sênior AA com 93/100.

03/12 –  Circuito Shooting Hause de TRAP 50: 7° lugar categoria sênior AA com 49/50.

04/12 –  Copa Do Brasil Castellani De Tiro Ao Prato TRAP 200: 15° colocado categoria sênior AA com 95/200.

05/12 –  Grande PRIX Berreta de TRAP 100: 9° lugar categoria sênior AA com 97/100.

Resultados de Lucas Holderle

02/12 – Brasileirão Pavei Armas de TRAP 100: 17° lugar categoria  sênior C com 81/100.

03/12 –  Circuito Shooting Hause de TRAP 50: 36° lugar categoria sênior D com 37/50.

04/12 –  Copa Do Brasil Castellani de tiro ao prato TRAP 200: 16° lugar categoria sênior C com 164/ 200.

05/12: Grande PRIX Berreta de TRAP 100: 13° lugar categoria sênior C com 89/100.

Saiba mais

A pedana de Trap divide-se em cinco posições onde o atirador efetua cinco disparos em cada posição, perfazendo 25 disparos em 25 pratos lançados. A máquina lançadora dos pratos encontra-se em uma casamata semi-enterrada. Os pratos são lançados ao comando do atirador em direções aleatórias e desconhecidas. Na etapa Trap 100, são efetuados 25 disparos em cada pedana. E, na Trap 200 são mais 25 em cada. 

CONECTA+ COMUNICAÇÃO
Imprensa Oficial dos Municípios de Nova Prata e Protásio Alves


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *