Faixa Atual

Título

Artista


Posição da Prefeitura de Nova Prata sobre fechamento da unidade General Mills

Escrito por em janeiro 12, 2021

Com o fechamento da empresa, prefeitura busca alternativas para geração de emprego

Após o comunicado oficial do fechamento da unidade da General Mills em Nova Prata, a administração municipal iniciou contatos com empresários e lideranças políticas do Estado. O objetivo é fomentar a geração de empregos impactada com a demissão dos cerca de 300 funcionários que atuavam na empresa.

O prefeito Alcione Grazziotin recebeu na segunda-feira, 11, a diretora de assuntos corporativos da General Mills para América Latina, Patrícia Zebele; o diretor de relações externas, Luiz Carlos Lozio; e o diretor jurídico, Rafael Dantas, quando foi informado oficialmente que a empresa deixará de produzir em Nova Prata, a partir do mês de maio.

– Eles nos informaram que o fechamento da unidade que produz produtos da marca Yoki e mantém parceria com produtores em toda região faz parte do processo de reestruturação das operações no Brasil e prevê que a produção de pipoca se concentre na unidade de  Pouso Alegre (MG) –  informa Grazziotin.

Ainda conforme os diretores da General Mills, a decisão é irreversível e foi tomada pela direção geral da empresa, situada em Mineápolis, EUA.

O prefeito Alcione Grazziotin também recebeu o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Alimentícia de Serafina Corrêa, José Modelski Júnior, que expôs a preocupação com a demissão dos funcionários.

– Lamentamos profundamente o ocorrido. Porém, não ficaremos de braços cruzados. Vamos buscar alternativas para a geração de empregos supridos com o fechamento da unidade da General Mills em Nova Prata –  finaliza o prefeito Grazziotin.

CONECTA+ COMUNICAÇÃO

Imprensa Oficial dos Municípios de Nova Prata e Protásio Alves


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *