Faixa Atual

Título

Artista


Polícia resgata no litoral moradora de Flores da Cunha que foi sequestrada em Caxias do Sul

Escrito por em julho 22, 2021

Principais suspeitos são um casal de amigos, que teriam planejado o crime para cobrar um resgate de R$ 600 mil, que seria de uma dívida antiga do companheiro da vítima  

A mulher de 36 anos, moradora de Flores da Cunha, que havia sido sequestrada na última terça-feira (20) em Caxias do Sul, foi resgatada do cativeiro na tarde desta quinta-feira (22). Ela é esposa de um empresário do ramo alimentício da cidade. Uma ação conduzida pela Polícia Civil, com apoio da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), culminou na prisão de seis pessoas, sendo cinco homens e uma mulher, suspeitos de envolvimento no crime.

De acordo com o Delegado Luciano Righêz, responsável pela investigação, a vítima foi localizada por volta das 15h, trancada em um quatro de uma residência na localidade de Arroio Teixeira, em Capão da Canoa. Ela estava naquele local desde terça-feira (20), quando foi sequestrada na Zona Norte de Caxias do Sul, quando chegava ao trabalho. Chamou atenção da força policial que a mulher estaria sendo forçada a fazer suas necessidades fisiológicas em um balde.

O trabalho investigativo apontou a suspeita para um casal de amigos da vítima. Eles seriam os responsáveis pelo sequestro da mulher e exigiam uma quantia de R$ 600 mil pelo resgate, que seria retroativo a uma dívida do companheiro da vítima para com a dupla. O valor não foi pago e a polícia apurou que o sequestro vinha sendo planejado a algum tempo. Outro fato inusitado do crime, segundo Righêz, é o de que ambos teriam prestado socorro ao marido, indo inclusive até a delegacia, para possivelmente tentar descobrir o andamento das investigações.

A vítima foi socorrida com o estado emocional bastante debilitado, mas aparentemente passava bem após mais de 48h sob a ação dos criminosos. Ela foi levada até a Delegacia Regional da Polícia Civil em Caxias do Sul, onde chegou por volta das 20h. Em um momento de extrema comoção, a mulher reencontrou o marido, sua filha 6 anos, a mãe e outros parentes. Os seis criminosos presos nesta quinta também chegaram na delegacia e os agentes se encarregaram de realizar os procedimentos de praxe.  


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *