Faixa Atual

Título

Artista


Polícia Civil indicia homem que matou mulher e colocou fogo na casa em Flores da Cunha

Escrito por em agosto 14, 2020

Maria José Wolff foi assassinada em 17 de julho dentro da residência do casal no bairro São José

A Polícia Civil de Flores da Cunha indiciou por homicídio qualificado, o homem de 43 anos que matou a companheira, Maria José Wolff, 38, e colocou fogo na residência do casal na noite de 17 de julho, no bairro São José, em Flores da Cunha. O inquérito foi remetido à justiça nesta semana. A delegada Aline Martinelli também solicitou ao Judiciário a conversão da prisão temporária do autor do feminicídio por prisão preventiva. Nome do criminoso não é divulgado pela polícia.

Agora cabe ao juiz se manifestar. Conforme a delegada, o laudo pericial de necropsia apontou como causa da morte traumatismo craniano. “A vítima apresentava uma lesão no nariz”, afirma Aline. A titular da DP florense destaca ainda que “a pericia do incêndio informou que não verificaram falhas elétricas no imóvel e que houveram dois pontos principais de foco do incêndio sugerindo intervenção externa”.

Vítima foi morta provavelmente a paulada e casa foi incendiada pelo companheiro, apontou polícia

Outra prisão preventiva

Além desse caso, a delegada Aline Martinelli também representou pela prisão preventiva de um homem, apontado como autor da morte de Jair Diniz, 47 anos, agredido a pauladas no início da madrugada de 14 de junho, no interior da Praça do Imigrante e morreu no Hospital Fátima na manhã daquele dia. O autor do crime foi preso semana passada pela Brigada Militar em outra ocorrência.

Conforme apurou a investigação, a vítima e o agressor estavam bebendo no interior da praça, e a briga ocorreu porque Diniz se recusou a dar R$ 20 ao acusado. O homem, cujo nome também não foi divulgado pela polícia, foi indiciado por homicídio qualificado por motivo fútil. Em ambos os casos, se condenados, os acusados podem pegar pena que varia de 12 anos a 30 anos de cadeia.

Fotos: Jeferson de Freitas/Grupo Solaris


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *