Faixa Atual

Título

Artista


Operação Happy Hour flagra seis condutores sob efeito de álcool em Caxias

Escrito por em julho 18, 2022

Ação ocorreu na noite desta sexta-feira (15) no bairro Fátima, das 21h às 23h45

A Operação Happy Hour ocorreu na noite desta sexta-feira (15) em um trecho da Avenida Doutor Mário Lopes, no bairro Fátima em Caxias do Sul, das 21h às 23h45. A ação contou com a emissão de 36 autos de infração de trânsito. A Operação Happy Hour tem objetivo de combate às infrações relacionadas ao consumo de álcool ao volante, independentemente dos veículos que transitam pelo local.

De acordo com a Fiscalização de Trânsito, 73 condutores foram abordados pelos agentes, sendo que oito veículos restaram removidos pelo guincho ao depósito credenciado do Detran/RS. Ao todo, foram sete condutores flagrados dirigindo sem a Carteira Nacional de Habilitação (eles não eram habilitados). Seis condutores foram autuados dirigindo sob efeito de álcool ou por terem se recusado à realização do teste do etilômetro. A recusa ao exame é constitucional, mas implica em infração gravíssima, multa no valor de R$ 2.934,70 e suspensão do direito de dirigir por 12 meses.

A Fiscalização de Trânsito também flagrou o condutor de um micro-ônibus de fretamento com sinais de embriaguez. Quando abordado, verificou-se que o exame toxicológico dele estava vencido há mais de 30 dias. Além disso, durante a operação, dois veículos fugiram do local ao avistarem a blitz – uma motocicleta e um carro. Ambos foram fotografados e identificados pelos servidores, que aplicaram as autuações conforme previsão do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

A Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) ressalta que os condutores que fogem de blitze devem ter ciência de que poderão responder por seus atos nas esferas administrativas do trânsito e criminal.

Durante a operação, indivíduos de uma residência no bairro Fátima utilizaram lasers para distrair os servidores e prejudicar as abordagens. A residência já foi identificada.

Foto: Rodrigo Rossi


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *