Faixa Atual

Título

Artista


Nova Roma do Sul ocupa o 5º lugar no índice de gestão fiscal no estado

Escrito por em novembro 11, 2021

No país, o município de Nova Roma do Sul ocupa a 22ª posição

Administrar um município é como administrar uma família, diz prefeito de Nova Roma do Sul após o município figurar na privilegiada posição de 5º lugar no índice de gestão fiscal no estado.  No país, o município ocupa a 22ª posição. Os índices analisados pelo Firjan – Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro são referentes a 2020.

O município manteve nota máxima, que é 10, em dois dos quatro indicadores: gasto com pessoal e investimento.

No quesito autonomia, que é a capacidade de geração de receitas próprias do município, houve crescimento na arrecadação estadual e federal, – a nossa arrecadação não cresceu tanto, por isso não recebemos nota 10 -, diz o prefeito Douglas Pasuch. A explicação do prefeito é a continuidade com o incentivo de horas máquina aos agricultores, que são subsidiados com até 50 horas. Outra despesa é o pagamento de aluguel para algumas empresas essas geram recursos para o município.

No quesito liquidez, que ficou um pouco abaixo de 10, Pasuch atribui a um financiamento para pavimentação asfáltica nas ruas da cidade. – Apesar de termos dinheiro em caixa no final de 2020, podendo liquidar com o empréstimo, optamos em deixar dinheiro no caixa para o ano seguinte, 2021. Nesses dois itens que não tiramos 10, nossa nota foi 9,8 -, comenta o prefeito.

O administrador atribui essas duas colocações privilegiadas no ranking nacional e estadual, principalmente ao corte de gastos desnecessários. – No poder público a gente sabe quanto vai arrecadar então o que nós temos que fazer? Temos que otimizar, gastar o menos possível para suprir as necessidades da população, com saúde, educação, infraestrutura, assim a gente sobra dinheiro para investimento-.

Douglas compara a administração municipal como uma família, onde os pais tem uma renda e dentro dela tem que pagar as contas mensais como água, luz e. tem mais as necessidades dos filhos como material escolar e roupas. – Depois de tudo isso ai podemos pensar em comprar uma casa melhor, trocar móveis, comprar um automóvel, e assim progredir para dar uma vida melhor a família -, resume o prefeito.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *