Faixa Atual

Título

Artista


Morre o radialista Nicanor Portela em Caxias do Sul

Escrito por em outubro 9, 2019

Ele faleceu na noite desta terça-feira vítima de cirrose hepática aos 72 anos de idade

Dono de uma das vozes mais marcantes do radiojornalismo caxiense e da região, o radialista e advogado Nicanor Portela morreu aos 72 anos, na noite desta terça-feira, dia 8, em Caxias do Sul. Portela estava se tratando de problemas de circulação de sangue em virtude de um quadro avançado de cirrose hepática, que se agravou.  Atualmente estava afastado do meio radiofônico.

José Nicanor Borges Portela nasceu em Coxilha Grande, na Capela São Pedro, sexto distrito do município de Vacaria, em 4 de junho de 1947. Durante 25 anos atuou na Rádio São Francisco AM, em Caxias do Sul dos freis capuchinhos onde sua voz foi marcada e reconhecida. Veio para Caxias do Sul em 1968, quando o Círculo Operário adquiriu a Rádio Independência. Ele atuou em emissoras de Porto Alegre, como a TV Difusora, da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, Rádio Farroupilha e Rádio Continental. Em 1982, conheceu a esposa, Maria Ester, com que foi casado por 35 anos. O casal teve os filhos Cleberson, 34, Greice, 28 e César, 20 e os netos Luís Fernando de sete anos e Henrique, de quatro.

Em 2009, Portela foi agraciado com o prêmio destaque em radiojornalismo pela Associação Riograndense de Imprensa – Serra Gaúcha (ARI-Serra Gaúcha) e Câmara de Indústria, Comércio e Serviços (CIC) de Caxias do Sul. 

O velório está sendo realizado na Sala D das Capelas São Francisco. O sepultamento ocorre às 17h, desta quarta-feira no Cemitério Público Municipal de Caxias do Sul. 

Foto: Júlio Soares/Divulgação

Portela faleceu na noite desta terça-feira . Em 2009 foi agraciado com o prêmio Ari Serra Gaúcha na CIC

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *