Faixa Atual

Título

Artista


Morre o carteiro de Flores da Cunha, Silvio Gasparini, o “Chatinho”

Escrito por em março 14, 2021

Ele tinha 52 anos e estava internado na UTI do Hospital do Círculo com Covid-19

Faleceu neste domingo (14), em Caxias do Sul, o carteiro Silvio Cezar Gasparini, carinhosamente chamado de “Chatinho”, pela comunidade florense. Silvio tinha 52 anos e estava internado na UTI do Hospital do Círculo, lutando contra a Covid-19.

“Chatinho” há anos era servidor público dos Correios em Flores da Cunha. Figura caricata e conhecida na cidade, vivia engajado em diversos projetos sociais e era fanático por esportes, principalmente pelo futebol. Candidatou-se ao cargo de vereador no pleito de 2020. Na ocasião, Gasparini, que era filiado ao Progressistas (PP), recebeu 383 votos e ficou como suplente do partido.

Por meio de nota divulgada nas redes sociais, o PP lamentou o falecimento de Sílvio. “Hoje a família Progressista está infinitamente triste!! Este vírus traiçoeiro levou nosso amigo querido, nosso Silvio, nosso fiel soldado, o mais guerreiro, o mais incansável e de um coração gigante! Estamos de luto por esta incrível pessoas e por tantas outras vidas que estamos perdendo!”.

O colega de partido e vereador da atual legislatura, Diego Tonet, também manifestou pesar em sua página do Facebook: “Querido amigo Silvio Gasparini, muito triste em saber que não veremos mais nosso disposto carteiro passando pelas ruas de Flores da Cunha. Meu colega, companheiro, pessoa incrível e sempre disposta a ajudar os outros. Um dia voltaremos a nos encontrar! Descanse em Paz!”.

A também correligionária e vereadora florense Silvana De Carli compartilhou uma foto como lembrança do amigo e escreveu em sua página: “Meu amigo, exemplo de dedicação e companheirismo. Segue tua caminhada no outro plano. Estará sempre em nossas lembranças”.

Segundo dados da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), Silvio é a 26ª vítima de coronavírus confirmada na cidade. Como faleceu vítima das consequências da covid, não ocorreu velório, nem cerimônia de despedida aberta ao público. Gasparini foi sepultado às 18h30min deste domingo, no Cemitério Público Municipal de Flores da Cunha.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *