Faixa Atual

Título

Artista


Moradores do Desvio Rizzo cobram melhorias com buracos nas ruas e em telhado de escola

Escrito por em julho 1, 2022

Em Caxias do Sul, o projeto Câmara Vai aos Bairros reuniu mais de 150 pessoas no Salão da Paróquia São José

Ruas esburacadas e mal sinalizadas, telhado de escola prestes a ceder, além da ausência de policiamento compõem a lista de queixas que os moradores do bairro Desvio Rizzo e arredores apresentaram ao Legislativo de Caxias do Sul. Na noite desta quinta-feira (30), a 3ª edição anual do projeto Câmara Vai aos Bairros reuniu mais de 150 pessoas na Paróquia São José.

Ao todo, 23 integrantes da plateia pediram a palavra logo após a apresentação de cada parlamentar participante. Em termos de formulários com registro de reivindicações e sugestões, os vereadores receberam 31 solicitações.

“As ruas na região do Rizzo estão todas sucateadas. Para cortar um pneu é fácil”, reclamou Marcos dos Santos, morador do loteamento São Francisco. “A manutenção da cidade está péssima. Não há sinalização e nem pintura de faixa de segurança, sem contar a dificuldade causada pelos congestionamentos no acesso ao Rizzo”, acrescentou Lindomar Gilberto Duarte Alves, do bairro Planalto Rio Branco, para onde também reivindicou a troca de piso de uma creche que estaria há anos desativada. A ausência de escola de Educação Infantil também foi apontada pela presidente do bairro Cidade Industrial, Marseli Schneider.

Paralelamente aos riscos da precariedade viária, os moradores questionaram a situação do telhado do refeitório da Escola Estadual Alexandre Zattera, que está prestes a cair, colocando estudantes e professores em perigo, relataram. “Não adianta vim aqui falar porque, quando meus filhos se formarem, estará a mesma coisa. Não é uma goteira (que existe no teto), mas uma cachoeira”, lamentou Carla Márcia Freitas. Mãe de aluno e professora na instituição de ensino localizada no bairro Desvio Rizzo, juntamente com outras mães, a docente ergueu uma faixa, indagando: “Onde está a reforma do telhado?”. Antes dela, foi Joel Moraes, pai de estudante da instituição que levantou a voz para pedir urgência na obra. “É uma vergonha o teto do refeitório da escola quase caindo. O Rizzo está pedindo socorro”, afirmou, recebendo concordância de Ademar dos Santos.

Ademar ainda solicitou mais segurança e defendeu a instalação de um módulo policial no bairro. Mesma reivindicação foi feita por Valmir Funari. Segundo ele, o Desvio Rizzo é praticamente uma cidade, em razão do número de habitantes, e, devido a isso, sofre com a falta de proteção.

Ainda na educação, o professor Alysson Pessoa pediu a construção do ginásio da Escola Municipal Professor Nandi, cujo projeto data de 29 de junho de 2016. Já João Bettiato, da Conceição da Linha Feijó, entre outras demandas, quer mais linhas de ônibus para a localidade para contemplar quem precisa desse transporte na metade da manhã e na metade da tarde.

Regularização fundiária, canalização e tratamento de esgoto, melhor estrutura e mais profissionais para atender na Unidade Básica de Saúde da região foram alguns dos demais pedidos expressos pela população.

A presidente do Legislativo, Denise Pessôa, acompanhou as manifestações e explicou que todas as demandas serão remetidas aos órgãos competentes e que cabe a eles a decisão de atendê-las ou não. Além de Denise, marcaram presença os parlamentares Adriano Bressan/(PTB), Gladis Frizzo (MDB), Lucas Caregnato (PT), Tatiane Frizzo (PSDB), Clóvis de Oliveira/Xuxa (ptb), Zé Dambros (PSB), Olmir Cadore (PSDB), Renato Oliveira (PCdoB), Rose Frigeri (PT), Sandro Fantinel (PATRIOTA) e Wagner Petrini (PSB). Também fizeram uma saudação aos participantes do encontro o padre Rubens Brun e o presidente da União das Associações de Bairros (UAB), Valdir Walter.

Não estiveram presentes os seguintes vereadores:

Rafael Bueno (PDT)
Maurício Marcon (Podemos)
Maurício Scalco (Novo)
Alexandre Bortoluz – Bortola (PP)
Elizandro Fiuzza (Republicanos)
Felipe Gremelmeyer (MDB)
Gilfredo de Camillis (PSB)
Juliano Valin (PSD)
Marisol Santos (PSDB)
Ricardo Daneluz (PDT)
Velocino Uez (PTB)

O próximo encontro do projeto Câmara Vai aos Bairros está previsto para 28 de julho, no Salão do bairro Cruzeiro, na Zona Leste.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *