Faixa Atual

Título

Artista


Moradores de rua e animais sofrem as consequências do frio intenso da Serra gaúcha

Escrito por em julho 27, 2021

A Fundação de Assistência Social de Caxias do Sul aumentou a capacidade de acolhimento para pessoas que não tem abrigo fixo

As temperaturas já começaram a baixar e a previsão de frio intenso e neve faz aqueles em situação de vulnerabilidade social e os animais de rua sofrerem com o inverno. Desde o início da semana, a assistência social de algumas cidades da Serra realizou campanhas arrecadação de cobertores e agasalhos. Além disso, a estratégia é efetuar um atendimento mais abrangente para moradores de rua, com o objetivo de garantir melhores condições a estas pessoas.

Em Caxias do Sul, a Fundação de Assistência Social (FAS), em parceria com entidades que atuam na rede de atendimento da cidade, aumentou a capacidade de acolhimento de pessoas que não tem abrigo fixo. De acordo com a FAS, o número de vagas subiu de 175 para 240, um aumento de 37%. Somente na Hospedagem Solidária, realizada pela Pastoral das Pessoas em Situação de Rua, o serviço foi ampliado em 50 vagas, passando de 35 para 85 a capacidade de acolhimento.

Conforme um levantamento realizado pela FAS em maio de 2021, cerca de 580 pessoas viviam em situação de rua em Caxias do Sul. Parte delas se recusam a ir para abrigos e, por isso, ao longo desta semana estão sendo distribuídos agasalhos e cobertores.

Além dos moradores de rua, há os animais abandonados ou mal cuidados. A entidade da Sociedade Amigos dos Animais (Soama), relatou que nas últimas semanas vem recebendo diversas denúncias de animais amarrados e sem o devido abrigo, ou soltos na rua sem proteção.

A diretora de marketing da Soama, Natasha Valente, destaca que “Quem ama cuida ou então nem tenha um bichinho, tem muita gente com animais amarrados no frio, sem casinha ou com abrigo improvisado. Isso é desumano e cruel, mas infelizmente isso é mais comum do que seria possível aceitar.”

Por conta disso, ela repassa algumas dicas para a população cuidas dos animais nas baixas temperaturas. “Se seu animal fica no pátio, coloca eles pra dentro da garagem. Manter os gatinhos dentro de casa. Para aquelas pessoas que tem cães no pátio providenciar um abrigo decente que proteja realmente do vento, do frio, colocar uma cobertinha. Alimentar eles mais seguido porque o frio, quanto mais eles se alimentam mais quentinhos eles ficam”, destaca Natasha.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *