Faixa Atual

Título

Artista


Ministério da Saúde libera verba de 4,2 milhões para Hospital Geral de Caxias do Sul

Escrito por em fevereiro 8, 2022

Com esse dinheiro o Hospital irá adquirir um tomógrafo capaz de ofertar 150 exames gratuitos por mês

Em outubro, o Hospital Geral de Caxias do Sul recebeu o valor de R$ 4.292.104,03, recurso destinado por meio do Projeto “Fortalecimento do Centro de Diagnóstico e Tratamento Clínico Oncológico do Hospital Geral de Caxias do Sul”, inscrito no Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon) do Ministério da Saúde. A verba será utilizada para a aquisição de um Tomógrafo Computadorizado, visando ampliar a capacidade de realização de exames.

Com a aquisição do Tomógrafo Computadorizado, para a Unidade de Diagnóstico, Internação e Tratamento Clínico Oncológico, será possível ofertar cerca de 150 exames mensais gratuitos para a comunidade.

Para o diretor-geral do Hospital, Sandro Junqueira, o projeto é de fundamental importância. “O valor adquirido contribui de forma significativa para a redução da demanda reprimida e auxilia no diagnóstico precoce do câncer, possibilitando uma assistência de maior qualidade e precisão aos usuários do SUS dos 49 municípios que atendemos”, diz Junqueira. Com o projeto aprovado pelo Ministério da Saúde e a verba liberada, o próximo passo é a aquisição do equipamento, que deve ocorrer até abril de 2022, data em que deverá ter início a oferta dos respectivos exames.

O Programa Nacional de Apoio à Atenção Oncológica (Pronon) foi instituído pela Lei 12.715/12 e permite que empresas e pessoas físicas destinem até 1% do seu Imposto de Renda para projetos de entidades filantrópicas na área oncológica. O programa busca incentivar ações e serviços desenvolvidos por entidades, associações e fundações privadas sem fins lucrativos, que atuam no campo da oncologia. O intuito é ampliar a oferta de serviços e expandir a prestação de serviços médico-assistenciais; apoiar a formação, o treinamento e o aperfeiçoamento de recursos humanos; e realizar pesquisas clínicas, epidemiológicas, experimentais e socioantropológicas.

Para Junqueira, o apoio das empresas é fundamental para que este projeto aconteça. “Gostaríamos de agradecer às empresas de todo país que contribuíram, junto a algumas pessoas físicas, para que o Hospital Geral pudesse receber este valor, possibilitando um melhor atendimento e, como consequência, a melhora na qualidade de vida dos nossos pacientes”, finaliza.

Confira as empresas que destinaram recursos ao Projeto:

Bayer SA; Banco Daycoval SA; Cia Brasileira de Soluções e Serviços; Cia de Gás do Estado do Rio Grande do Sul – Sulgás; Comércio de Medicamentos Brair Ltda; CPFL Energia; Crediare SA; CVC Brasil Operadora e Agência de Viagens SA; David Feffer; Elo Serviços; Ferramentas Gedore do Brasil SA; Fresenius Kabi Brasil Ltda; Fujifilm do Brasil Ltda; Gasball Armazenadora e Distribuidora Ltda; Getnet Adquirencia e Serviços para meios de Pagamentos SA; HS Administradora de Consórcios Ltda; Irmãos Andreazza Ltda; Joel José Valadares Lourenço Estevinho; Jost Brasil Sistemas Automotivos Ltda; Lima e Pergher Indústria e Comércio SA; Máquinas Sanmartin Ltda; Marcopolo Trading SA; MIP Engenharia SA; Nórdica Veículos SA; Pettenati SA Indústria Têxtil; Portocred SA Financiamento e Investimento; Randon Administradora de Consórcios Ltda; Roberto Tonietto; Rogério Joaquim Tondo; Sabemi Seguradora SA; San Marino Ônibus Ltda; SLC Agrícola SA; Sponchiado Administradora de Consórcios Ltda; Sponchiado Jardine Veículos Ltda; Tondo SA; Vinícola Campestre Ltda; Wsul Espumas Indústria e Comércio Ltda; XP Controle 3 Participações SA; XP Finanças Assessoria Financeira Ltda e XP Gestão de Recursos Ltda.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *