Faixa Atual

Título

Artista


Juventude vence e Grêmio cai para a Série B

Escrito por em dezembro 9, 2021

Grêmio superou o Atlético-MG na Arena, mas a vitória do Juventude sobre o Corinthians livrou o Ju da segundona

Para o Grêmio o único resultado que interessava era a vitória contra o Atlético-MG na Arena, combinado de outros resultados paralelos. Entretanto, o Juventude também lutava para não cair e foi superior ao Corinthians e, com o estádio Alfredo Jaconi lotado, venceu pelo placar de 1 a 0. O Bahia chegou a perder o seu jogo contra o Fortaleza, por 2 a 1, o que favorecia que um dos times gaúchos permanecesse na A. Apesar da vitória do Grêmio por 4 a 3 sobre o Atlético, o Ju só precisava de um empate para garantir a sua permanência na elite.

Grêmio e Bahia lutaram até o fim, mas foram rebaixados à Série B com os resultados da 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro. favorecimento de uma ou outra equipe

Além de Grêmio e Bahia, Sport e Chapecoense também caíram para a Série B do campeonato nacional. Na contramão dessas equipes, Botafogo, Goiás, Coritiba e Avaí subiram para a Série A.

Grêmio pede desculpas a sua torcida; confira a carta ao torcedor:

“O momento é de dor para cada um dos mais de 10 milhões de gremistas espalhados pelo Rio Grande e pelo mundo. Dor e indignação — sentimentos mais do que legítimos e que precisam ser ouvidos e respeitados.

Nossa obrigação é pedir desculpas, reconhecer os erros e trabalhar com humildade e energia para corrigir os rumos e enfrentar os desafios que 2022 nos impõe. Temos plena consciência do que nos aguarda. Tenham certeza de que todas as medidas serão adotadas, sem exceção.

No mesmo peito em que hoje bate a dor deste momento, também bate a paixão e o amor que nos moveram em todos os 118 anos de nossa história — das grandes e consagradoras conquistas aos episódios de bravura e superação inacreditáveis.

Que ninguém ouse duvidar de nossa grandeza. Mas não será pela camisa pesada, pelas taças no armário ou pelo tamanho de nosso clube que retornaremos ao lugar que nossa história exige. O Grêmio voltará pelo trabalho sério — com os pés no chão e fazendo o que precisa ser feito —, por uma profunda reformulação e pela força desta nação que nunca deixa de apoiar.

Não há caminho fácil para o tricolor, nossa trajetória está aí para comprovar. Mas é justamente na dificuldade que mostramos o que é o Grêmio — nossa coragem, nossa raça, nossa irresignação, nossa essência.

E não será diferente agora. Mais do que nunca, precisamos lutar. Mais do que nunca, precisamos estar juntos. Mais do que nunca, precisamos de cada associado, de cada torcedor. Mais do que nunca, somos Grêmio”. 


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *