Faixa Atual

Título

Artista


Ipeense se destaca no Futsal Russo

Escrito por em julho 13, 2021

Júlio César Brollo Zanotto é natural de Ipê e atualmente mora em Moscou na Rússia

Nesta terça-feira (13), a Rádio Solaris 97.3 FM entrevistou o jogador de Futsal, Júlio César Brollo Zanotto, natural de Ipê que atualmente mora em Moscou, na Rússia em que atua profissionalmente no time de futsal Norilsk Nickel.

Zanotto relembrou durante a entrevista sua trajetória no esporte que teve início aos seis anos em categorias de base até os 13 anos em que simultaneamente jogava na quadra e no campo onde atuou durante dois anos pelo Juventude. Também teve passagem por Caxias do Sul, pelo SER Antônio Prado e também em Carlos Barbosa na Sub-17, de 2013 a 2019, período em que recebeu uma proposta para atuar na Rússia onde está há um ano e meio. O atleta possui mais um ano de contrato no país.

Ele aproveitou a oportunidade em que ressaltou a importância do SER Antônio Prado em seu desenvolvimento como atleta e em suas decisões na profissão. “Onde estou hoje é porque muitas pessoas me influenciaram e me ajudaram a chegar aqui. Não cheguei sozinho a gente não vai a lugar nenhum só,” ressaltou.  

Sobre a adaptação no novo país o jogador comentou a dificuldade inicial dos primeiros três meses, que já foi superada e sobre a visão que tinha do país. “Eu tinha aquela ideia da Rússia como União Soviética, algo mais ultrapassado e cheguei lá e não era aquilo. Foi uma surpresa positiva”, disse.   

Zanotto explicou que em sua equipe além dele também fazem parte três jogadores e um preparador físico brasileiros, além de um tradutor que os auxilia com o idioma russo. Em relação ao  time ele comentou que desde 2013 o Norilsk Nickel não chegavam nas semifinais por não ser uma equipe tradicional no futsal, mas que neste ano chegaram quase a uma final. Ele falou que o time acredita muito em seus jogadores e ele espera que na próxima temporada possam chegar a uma final e quem sabe disputar uma UEFA.

O atleta comentou que seu time não é de Moscou, mas de uma cidade distante a cerca de quatro horas e meia de avião o qual eles utilizam para deslocar-se até lá para participar dos jogos. O atleta mora e treina em Moscou. Quando há jogos na cidade de seu time eles viajam quatro dias antes para adaptar-se ao clima e região. Zanotto explicou que a cidade sede de seu time fica em uma região muito fria e salubre onde não se moram muitas pessoas exceto os trabalhadores que atuam na extração de níquel.

Para finalizar Zanotto incentivou os jovens que buscam seguir carreira no esporte em que os aconselhou que deem o máximo de si, sejam pessoas de bom caráter, e tenham principalmente disciplina, uma qualidade que segundo ele é crucial para se manter na profissão. “É preciso também ter coragem para aproveitar as oportunidades elas podem ser disfarçadas, mas sempre aparecem no momento certo,” finalizou.

Ouça a entrevista completa, abaixo:

Fonte: Grupo Solaris – Repórter Taís Vargas


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *