Faixa Atual

Título

Artista


Final de semana registra condutores sob efeito de álcool nas ruas de Caxias do Sul

Escrito por em junho 27, 2022

Duas blitz foram realizadas na tarde e noite deste domingo (26)

Na tarde e no início da noite deste domingo (26), os servidores da Fiscalização de Trânsito e da Guarda Municipal uniram forças em duas operações de fiscalização em Caxias do Sul. À tarde, as equipes observaram a movimentação de motocicletas com escapamento aberto em trecho da Rua Libera Boff, no bairro Treviso, dentro da Operação Duas Rodas. No começo da noite, as equipes deslocaram até a Rua Ivo Remo Comanduli, no bairro Santa Catarina, em uma edição da Operação Happy Hour. No endereço, flagraram condutores trafegando sob efeito de álcool após evento automotivo que ocorreu junto aos Pavilhões da Festa da Uva.

No somatório das duas operações, 62 veículos foram abordados pelos agentes, das 15h às 18h30. Os servidores emitiram 64 autos de infração de trânsito e três veículos restaram removidos ao depósito credenciado do Detran/RS. Quatro condutores foram flagrados dirigindo sem a Carteira Nacional de Habilitação (eles não eram habilitados). Dois automóveis e três motocicletas fugiram dos servidores na saída do bairro Santa Catarina. Ambos foram fotografados, identificados e autuados.

Ainda na Rua Ivo Remo Comanduli, seis condutores foram flagrados sob efeito de álcool ou por ter se recusado ao teste do etilômetro. Uma das condutoras que se submeteu ao teste do etilômetro teve resultados positivos. Na contraprova, o aparelho acusou índice de embriaguez de 0,47 mg de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Números iguais ou acima de 0,34 mg indicam crime de trânsito. A condutora foi detida em flagrante e encaminhada à Delegacia de Polícia Civil. No bairro Treviso, somente um motociclista estava sob efeito de álcool ou tendo se recusado ao teste.

A Fiscalização de Trânsito ressalta que independente da realização de eventos automotivos, é dever dos condutores estarem devidamente habilitados e sóbrios. Além disso, os condutores que fogem de operações devem ter ciência que poderão sofrer consequências previstas nas esferas administrativa do trânsito e criminal.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *