Faixa Atual

Título

Artista


Festa da Uva prorroga inscrições para rainha

Escrito por em dezembro 17, 2019

Data final seria nesta quarta (18), mas não há candidatas inscritas

Em reunião realizada na noite desta segunda-feira (16), a Comissão Social decidiu prorrogar o prazo das inscrições para as candidatas a rainha e princesas da Festa Nacional da Uva 2021 para o dia 6 de março de 2020. As inscrições seriam recebidas até quarta-feira (18), mas para que empresas e entidades pudessem participar estender o prazo foi a melhor alternativa:

— Ouvimos as solicitações dos empresários que veem dificuldade nessa época do ano de se organizarem financeiramente e, também, para a seleção das candidatas. A Comissão está empenhada para, em janeiro e fevereiro, realizar visitas e buscar o engajamento da comunidade empresarial — pontua a presidente da Comissão Comunitária da Festa, Sandra Mioranzza Randon.

Se as inscrições se encerrassem nesta quarta, não haveria concorrentes para participar do concurso. Em quase um mês de inscrições — começaram em 18 de novembro — pelo menos 20 jovens demonstraram interesse em concorrer, mas como não há entidades para patrociná-las, nenhuma efetivou a inscrição até ontem. As meninas apenas retiraram a ficha com o regulamento para participar do concurso.

Até esta segunda, entidades tradicionais como a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Sindigêneros, Sindilojas informaram que não seriam uma candidata que represente o comércio. As três patrocinam concorrentes à disputa há pelo menos 15 anos e, geralmente, as representantes das entidades são eleitas no trio. SER Caxias, Esporte Clube Juventude, Festa do Vinho Novo e Lorigraf não definiram até o momento representantes para participar da escolha. A alegação para não ter um nome é o atual cenário econômico.

No entanto, informações de bastidores deixam claro a insatisfação de algumas entidades com relação ao modelo atual da Festa da Uva e às polêmicas da administração Daniel Guerra (Republicanos).

SEM RECURSOS

A presidente do Sindilojas Caxias, Idalice Manchini, falou também em nome da CDL e do Sindigêneros. Ela ressaltou ontem que as três entidades definiram que não teriam candidata a rainha da Festa da Uva. 

— Tivemos uma reunião há cerca de um mês e definimos que as entidades não vão participar do concurso para a escolha da rainha e das princesas. Acordamos que nenhuma das três terá separado ou juntas uma representante. A definição leva em conta o momento econômico. 

Ela ressaltou que os sindicatos avaliaram a questão das contribuições sindicais, e decidiram não ter esse gasto, que é alto. 

— Também queremos contribuir de outras maneiras, com o Museu do Comércio por exemplo, fortalecendo a participação das entidades na Festa da Uva. Podemos contribuir de outras formas, mas desta vez, não teremos candidata à rainha. Isso está definido — reiterou.

O Presidente da S.E.R.Caxias, Paulo Cesar Santos, afirma que conversaram internamente e com as interessadas em concorrer. No entanto, ele aponta que o regramento e os custos para as entidades patrocinarem as candidatas não estão claros.

— Não estão claros os custos da candidatura e também tema questão do vestido que seria padrão, e nem foi repassado de quanto seria o investimento e também se o pagamento tem que ser no ato da inscrição. Queremos representante do clube e também queremos ajudar a cidade, mas vamos avaliar a questão dos gastos porque não adianta trazer mais despesas para o clube — explica Santos.

O presidente do Esporte Clube Juventude, Walter Dal Zotto Jr., ressalta que só terão representante caso a candidata possa arcar com custos, porque o clube não está em condições de investir os valores necessários do momento da inscrição até a escolha da rainha.

— A princípio conversamos internamente, e a candidata teria arcar com os custos do concurso para poder concorrer a rainha. Estamos buscando alternativas,mas não estamos em condições de patrocinar e se não tiver alguém que se banque não vamos participar. Há sempre o interesse em ter uma representante, mas não estamos num bom momento em termos de recursos — ressalta ele. 

O argumento é o mesmo usado pela presidente da Festa do Vinho Novo, Sandra Bonetto. O evento não terá representante, até mesmo porque a última concorrente a receber a coroa em Forqueta é a atual rainha da Festa da Uva, Maiara Perottoni.

— Não vamos ter representante porque ainda estamos em tratativas para que a Festa do Vinho Novo ocorra em 2021 ou 2022. Não tivemos mais o evento porque avaliamos a questão econômica. É até perigoso pensar um fazer uma festa que demanda recursos como atual cenário da economia.

A Lorigraf que participou da última Festa da Uva, em parceria com a Festa do Vinho Novo e com o Andreazza, também não terá candidata na próxima edição.

— A empresa está em contenção de despesas. O ano que está acabando foi economicamente complicado, então não temos como arcar com esses custos — destaca o sócio gerente, Miguel Riboldi.

SAIBA COMO PATROCINAR 

— Se tiver interesse em patrocinar uma candidata, a empresa ou entidade pode entrar em contato com a Comissão Social pelos telefones (54) 3207-1133 e (54) 3211-0719.

— Inscrições: na Réplica 4 do Parque de Eventos da Festa da Uva, por meio de agendamento pelo telefone (54) 3207-1133. Antes, as interessadas devem retirar o regulamento no escritório da Festa Nacional da Uva, na Rua Carlos Giesen, 1.297, sala térrea, bairro Exposição, Caxias do Sul.



Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *