Faixa Atual

Título

Artista


Estudante da Fundação Liberato conquista bronze em feira de ciências na China

Escrito por em julho 29, 2019

Giovana Mantovani, aluna do curso técnico de Química, investigou como a quimioterapia pode prejudicar menos as células sadias.

Foto: Luis Eduardo Selbach / Ascom Fundação Liberato

Giovana Berti Mantovani, 18 anos, aluna do curso técnico de Química da Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha, em Novo Hamburgo, conquistou o 3º lugar na categoria projetos internacionais na 34ª edição da China Adolescents Science & Technology Innovation Contest (Castic), em Macau, na China.

A estudante, única representante brasileira na feira, participou por meio do Prêmio Killing de Tecnologia, conquistado na Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec) do ano passado.

O projeto de Giovani partiu da constatação de que um dos problemas da quimioterapia é que parte dos tratamentos acaba prejudicando as células saudáveis.

Pensando em reduzir isso, a estudante investigou o detergente acabi (derivado do breu branco, uma resina extraída do pinheiro), comprovando ser possível minimizar os danos às células sadias. A orientação do trabalho é da professora Carla Kereski Ruschel.

No total, 56 países e regiões compareceram à Castic. Estudantes da Liberato já conquistaram prêmios nesse evento científico em seis oportunidades anteriores: 3° lugar em 2014, 2015, 2018; 2° lugar em 2013 e 2017; e 1° lugar em 2016. A cerimônia de premiação, com a medalha de bronze para Giovana, ocorreu na quinta-feira (25/7), em Macau.

Fonte: Luis Eduardo Selbach/Ascom Fundação Liberato


Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *