Faixa Atual

Título

Artista


Devotos restauram capitel centenário em Protásio Alves

Escrito por em dezembro 21, 2020

Na Itália, as edificações eram conhecidas como “capitello”

Das histórias relatadas pelos moradores mais antigos a devotos de Santo Antônio, surgiu a vontade de restaurar o capitel na Linha Oitava Turvo, interior de Protásio Alves, e dar materialidade à fé.

A pequena construção surgiu em 1910 em madeira, coberta com “scandoles” (telhas de madeira) e ainda hoje abriga a imagem do Santo Antônio trazida da Itália. Em 1990, o capitel foi reformado e a madeira substituída pela alvenaria.

Em 2020, com a autorização do pároco Luciano Cansan, os devotos reuniram-se e tornaram o local ainda mais especial com detalhes como o forro curvado; o piso no qual estão os mosaicos remanescentes da sacristia e presbitério demolidos da Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário, em 1968; as telhas que lembram as “scandoles” e até na cor da pintura que retrata as vestes de Santo Antônio.

 CAPITEIS

Na Itália, as edificações eram conhecidas como “capitello”. Não existe uma forma padrão de construção, podem ser altos ou baixos, de alvenaria ou madeira. A maioria segue uma estratégia de localização: numa encruzilhada ou em um lugar por onde transitam muitas pessoas e de fácil acesso. 

Fotos: Sonia Reginato e Divulgação

CONECTA+ COMUNICAÇÃO

Imprensa Oficial dos Municípios de Nova Prata e Protásio Alves


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *