Faixa Atual

Título

Artista


Comissão do Legislativo realiza reunião para debater situação da saúde Pradense

Escrito por em fevereiro 23, 2022

A reunião contou com a presença da secretária de Saúde, representantes do Hospital São José e Conselho Municipal de Saúde

Na tarde de terça-feira (22), foi realizada reunião da Comissão de Constituição, Redação e Bem-estar Social da Câmara de Vereadores de Antônio Prado que convocou a secretária de Saúde, Jordana Serafim e convidou representantes da Administração Municipal, Conselho Municipal de Saúde e Hospital São José para esclarecimentos em relação a situação da saúde no município.

Estavam presentes, a secretária de Saúde, Jordana Serafim, presidente do Hospital São José, Sadi Macagnan, diretor-geral, Diógenes Weber, integrantes do Conselho Municipal de Saúde, além do presidente e vereadores da Casa Legislativa.

O vice-presidente da Comissão vereador, Vanderlei Cescon iniciou a conversa reforçando que o intuito da reunião era entender a situação, esclarecer as dúvidas e reivindicações da população sobre os atendimentos em meio a pandemia e se colocou á disposição para ajudar na busca de soluções, caso necessário.

As principais demandas trazidas pela Comissão se tratam da recorrente queixa da população sobre a demora e a sobrecarga de atendimentos no Hospital São José e o motivo do fechamento da UBS Planalto.

A secretária explicou primeiramente que a UBS do bairro Planalto foi fechada em uma decisão consensual entre a Secretaria e o Conselho de Saúde que devido à baixa procura por atendimentos optou-se por concentrar os atendimentos nas UBSs Aparecida e Centro, esta última em que os pacientes precisam de qualquer forma recorrer para realização de exames e retirada de medicamentos.

Em relação a sobrecarga nos atendimentos, Serafim justificou ser devido à falta de servidores que mesmo com a abertura de processos e contratações muitas vezes não houveram interessados devido à baixa remuneração, casos de profissionais positivados que precisaram se ausentar, licenças maternidade, férias, não prosseguimento de contratos, entre outros motivos.

A representante também repassou aos vereadores que no início da pandemia o atendimento ficou totalmente focado em casos Covid e agora a atenção básica retoma as consultas e exames de rotina o que consequentemente causa uma sobrecarga no sistema de saúde.

Também explicou que as UBS’s realizam atendimento das 8h às 12h e das 13h às 17h30min, porém um contrato de prestação de serviço foi realizado com o Hospital São José para que após às 10h da manhã esses atendimentos fossem realizados no Hospital e a UBS prosseguisse com o atendimento básico.

Em outra oportunidade, em entrevista à Rádio Solaris, Weber explicou que a sobrecarga no plantão do Hospital se deve à procura da população por atendimento mediante a qualquer sintoma ao invés de encaminhar-se primeiramente a Unidade de Saúde mais próxima, já que o plantão é voltado para casos de sintomas gripais suspeitos Covid e emergenciais que não são atendidos nas UBS’s.

Os vereadores solicitaram a Secretaria e formularam uma Indicação a Prefeitura, que entrou em pauta ainda na sessão ordinária de ontem (22), com alguns pedidos, entre eles a reabertura da UBS Planalto, campanha de conscientização para vacinação, implementação do Plantão Covid no Hospital e sua continuidade nos meses seguintes, entre outras sugestões.

Acesse a Indicação na íntegra aqui.

Fonte: Repórter Taís Vargas


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *