Faixa Atual

Título

Artista


CDL Caxias projeta incremento de até 10% nas vendas de Black Friday

Escrito por em novembro 21, 2019

Pesquisa de intenção de compras foi apresentada em coletiva de imprensa na manhã desta quarta-feira no Palácio do Comércio

Com a aproximação da Black Friday, realizada em 29 de novembro, a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Caxias do Sul elaborou a pesquisa de intenção de compras dos consumidores caxienses para a data. Os dados foram apresentados em coletiva de imprensa, na manhã desta quarta-feira, dia 20, no Palácio do Comércio. Segundo a CDL, a estimativa de vendas é de 5 a 10% maior que na edição de 2018. A pesquisa foi realizada de 5 a 10 de novembro com 392 pessoas em Caxias do Sul em bairros e área central da cidade.

Conforme o presidente da entidade, Ivonei Pioner, um dos motivos para o incremento é em relação a demissões e admissões que vêm mantendo a estabilidade, além do poder econômico do consumidor com o 13º salário e o FGTS.

Apesar do crescimento da Black Friday no país, e da tentativa das empresas e entidades em consolidar a data no calendário anual, 50% dos entrevistados não pretende ir às compras. O principal motivo é a desconfiança em relação às promoções apresentadas. Em compensação, para os que têm intenção de comprar (34%), o ticket médio apresenta um valor bem acima da média, em um comparativo às outras datas comemorativas: R$ 663,40.

Móveis desponta dos preferidos

Uma das motivações, segundo o presidente da CDL Caxias, Ivonei Pioner, é a espera que os consumidores têm para a data. “Muitos consumidores esperam o ano inteiro para adquirirem os produtos com a economia encontrada na Black Friday. É bom para as empresas, que conseguem fidelizar clientes ao longo do ano para trazer esse resultado, e para os consumidores, que olham essa data como uma compra ‘merecida’, em que adquire os produtos que já desejava há longo prazo”, salienta.

Nos segmentos mais procurados para a data, Móveis aparecem como a opção preferida para 15,24%. Outros produtos entre os mais procurados são os Eletrodomésticos (14,29%), Roupas e Acessórios (12,86%), Eletrônicos (12,38%) e promoções de Serviço, como descontos em academia, viagens e beleza (10%). O principal diferencial da Black Friday em relação às outras datas comemorativas é a motivação de compra – enquanto as outras costumam estar relacionadas a presentear outras pessoas, esta costuma ser uma compra para uso próprio. O dado se confirma também na pesquisa, na qual 82% dos entrevistados afirmaram que os produtos adquiridos na data não serão presentes.

PAGAMENTO

Para a compra, o dinheiro ainda é o principal meio de pagamento, opção escolhida por 44% dos participantes da pesquisa. 31% opta pelo cartão de crédito e apenas 16% pretende utilizar o cartão de débito. Entre os compradores que têm intenção de parcelar, mais de 40% escolheu o pagamento em seis parcelas ou mais.

Outro ponto que chama atenção é que a busca pelas promoções e produtos é feita, principalmente, por cartazes e folhetos (26,09%) e diretamente nos sites dos estabelecimentos (21,74%). Da mesma forma, apesar das ofertas online, a preferência ainda é para o comércio local – 35% dos entrevistados buscam comprar em lojas no centro da cidade, 26% irá buscar nos shoppings e 23% fará a compra via internet.

Foto: Jeferson de Freitas/Grupo Solaris

Ouça entrevista com Ivonei Pioner

Data é comemorada na última sexta-feira de novembro e deverá impulsionar as vendas no comércio

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *