Faixa Atual

Título

Artista


Bolsonaro diz que vai aumentar Auxílio Brasil para R$ 600

Escrito por em junho 24, 2022

O anúncio foi feito na Paraíba, onde 40% da população recebe este auxílio, atualmente em R$ 400

O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira (24) que o aumento dos índices de inflação tem, entre suas causas, problemas decorrentes do isolamento social, medida de combate à pandemia que, segundo ele, acabou por prejudicar a economia do país.Para tentar superar os efeitos que são sentidos com a mais alta taxa de pobreza das últimas décadas, o presidente disse que irá aumentar o Auxílio Brasil, de R$ 400 para R$ 600.

De acordo com pesquisa divulgada hoje pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – 15 (IPCA-15), que mede a prévia da inflação oficial, está acumulado em 12,04%, nos últimos 12 meses.

Momentos difíceis

“Sempre disse, durante a pandemia, que o povo devia continuar trabalhando, e que estava errada a política de fechar tudo no Brasil. Estamos vendo que o ‘fica em casa que a economia a gente vê depois’ não deu certo. Vivemos momentos difíceis no Brasil e no mundo, com inflação e aumento de preços que atingem a todos”, disse o presidente.

Ele acrescentou que, só na Paraíba, cerca de 1,5 milhão de pessoas recebem o benefício que, segundo ele, “é diferente do Bolsa Família, que, lá atrás, quem fosse trabalhar perdia’, disse Bolsonaro. O Estado da Paraíba, no Nordeste, tem população estimada em 4 milhões, o que corresponde a cerca de 40% dos paraibanos.

“Com o Auxílio Brasil, podem trabalhar porque não vão perdê-lo”, disse.

Moradias

Durante o evento em João Pessoa (PB), 960 moradias foram entregues a famílias de baixa renda, por meio do Programa Casa Verde e Amarela. Segundo o governo, os dois residenciais beneficiarão cerca de 3,8 mil pessoas.

Nesses empreendimentos, foram investidos R$ 81,5 milhões, sendo R$ 75,2 milhões do governo federal e R$ 6,3 milhões em contrapartidas do governo da Paraíba.

Fonte: Agência Brasil


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *