Faixa Atual

Título

Artista


Aprovado pedido de processo de impeachment do prefeito de Caxias do Sul

Escrito por em outubro 8, 2019

Por 14 votos a 8, vereadores aprovaram admissibilidade de Daniel Guerra em sessão realizada na manhã desta terça-feira na Câmara Municipal

Por 14 votos a 8, a Câmara de Vereadores de Caxias do Sul aprovou por maioria o sétimo pedido de impeachment contra o prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra (Republicanos). A maioria dos parlamentares votaram pelo acolhimento da denúncia a favor da admissibilidade. Com o acolhimento, uma Comissão Processante, composta por três vereadores, dará prosseguimento à análise.

Pela terceira vez, o documento foi assinado pelo ex-vice-prefeito Ricardo Fabris de Abreu. Na denúncia, o autor apresentou quatro itens como motivação pelo pedido afastamento do prefeito; a não cedência da Praça Dante Alighieri e arredores para realização da benção dos freis Capuchinhos e a Parada Livre, e supostas irregularidades na decisão de fechamento do Pronto-Atendimento 24 Horas sem oitiva do Conselho Municipal de Saúde e também contestava o chamamento público para a empresa administradora da unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Central e a proibição da bênção pública de Natal dos frades capuchinhos, marcada para o dia 11 de dezembro na Praça Dante Alighieri.

Para o ex-vice-prefeito, o chefe do Executivo incorreu em ofensa ao artigo 5º da Constituição e aos artigos 39 e 99 da Lei Orgânica Municipal. A comissão processante de três parlamentares que vão analisar o caso e emitir parecer é formada por Paula Ioris (PSDB), Elisandro Fiuza (Republicanos) e Alceu Thomé (PTB). Os nomes foram sorteados ao final da sessão.

Foto: Rogério Costanza/Grupo Solaris

Prefeito é denunciado em quatro itens apontados pelo autor, o ex-vice prefeito Ricardo Abreu

Opnião dos Leitores

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *