Faixa Atual

Título

Artista


36º Batalhão da Brigada Militar desencadeia a Operação Hoplitas

Escrito por em julho 12, 2021

Em Antônio Prado foram abordadas 82 pessoas

Nos dias 09, 10 e 11 de julho de 2021, a Brigada Militar deu início à Operação Hoplitas. Voltado ao enfrentamento de delitos violentos cujos índices são tabulados no contexto do Programa RS Seguro, a Operação Hoplitas foi concebida pelo Comando-Geral da instituição  o objetivo é de reduzir o número de homicídios, latrocínios e crimes contra o patrimônio em locais e faixas de horário especialmente selecionados a partir de análise criminal.

Com essa inspiração, o Comando-Geral da Brigada Militar organiza mais uma ação em prol da sociedade gaúcha contra a criminalidade.

No primeiro fim de semana, em toda a área do 36º BPM, a Operação Hoplitas resultou em 427 pessoas abordadas e cinco presas, 329 veículos vistoriados e foram assinados cinto Termos Circunstanciados.

Em Antônio Prado foram abordadas 82 pessoas, 53 veículos, sendo um deles autuado.

No município de Flores da Cunha foram abordadas 36 pessoas e 14 veículos. Uma pessoa foi presa em flagrante.

Em Nova Pádua 32 pessoas e 19 veículos foram abordados.

Na cidade de São Marcos foram abordadas 64 pessoas, uma delas foi presa em flagrante, 54 veículos foram vistoriados sendo 27 autuados.

Em Nova Roma do Sul 47 pessoas e 39 veículos foram abordados.

O nome da operação remete a uma classe especial de soldados da Grécia antiga que, de posse de escudos chamados óplon, foram referências no combate de infantaria de seu tempo. Notabilizados pela disciplina, espírito de corpo e elevado grau de treinamento, os hoplitas simbolizam o espírito guerreiro de uma tropa no enfrentamento de quaisquer adversidades, lutando lado a lado para formar uma linha em defesa de seu povo.

 Ronei Marcilio com Informações da Comunicação Social do 36º Batalhão de Polícia Militar


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *